Eu Confesso

Ana Carolina

 

Eu confesso sim

que já não vivo sem você

que te quero feito um tolo

como quem encontra ouro

como um cego que volta a ver

 

E se você não vem me tirar dessa aflição

não existe um consolo

que estanque o meu choro

um remédio pra solidão

 

É sempre assim

você comigo do início ao fim

não há nunca se esquecer que sim

você comigo do início ao fim

não há nunca se esquecer

que eu amo você